quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

A Benção dos Alimentos - Lição 6 - 1º trimestre EBD 2011

 Prezado professor da classe de pré-adolescente. Nesta semana estudaremos a lição 6 que trata da provisão  dos alimentos para todos os seres vivos.
Texto Bíblico: Gênesis 1.29-30; 9.3; Ezequiel 34.31; Salmos 104.13-14


O Salmo 104 trata da glória de Deus manifestada na criação e na conservação de tudo o que criou. O Senhor em sua plena sabedoria, ao formar os seres vivos, estabeleceu a proteção e preservação das espécies e provisão de seu sustento. Por isso, Ele criou também os alimentos para a manutenção e bem-estar do nosso corpo. Isso mostra o cuidado divino concernente as suas obras.

A terra ao ser criada, torna-se fértil e frutífera. Vejamos o que o Comentário
Bíblico Beacon explica a respeito dos alimentos providenciados por Deus:

“Os versículos 6-9 referem–se mais naturalmente à obra criada da primeira parte do terceiro dia (Gn 1.9-10). As águas são vistas como que cobrindo até os montes, mas em obediência à voz do Criador elas foram reunidas em oceanos, e apareceram as terras secas. (...) Embora os limites das águas tenham sido removidos durante o dilúvio, elas estão permanentemente delimitadas de acordo com o propósito de Deus. A terra torna-se frutífera pelo seu rebentar (10-12) e a chuva é descrita como que vindo das câmaras (13) de Deus. A terra traz fruto abundante, vinho para alegrar o coração, azeite para ungir o rosto (a pele) e pão para fortalecer o corpo (14-15). A natureza provê um hábitat para as crianças que Deus formou” (16-18).

Precisamos cuidar bem do nosso corpo, pois ele é Templo do Espírito Santo. Por isso, devemos ter uma alimentação balanceada, composta de frutas, legumes, cereais e verduras. É também muito importante ingerir alimentos ricos em proteínas necessários para a reconstrução e fortalecimento das células. Devemos evitar alimentos gordurosos e com excesso de açúcares. Beber bastante líquidos como água e sucos é ótimo para manter o organismo bem hidratado. Além disso, não podemos ficar muitas horas sem comer, para que nosso metabolismo não sinta falta demasiada de nutrientes, pois quando isso acontece somos tentados a comer com mais ansiedade e de forma desequilibrada provocando a insaciável da apetite e, assim, ingerindo maior quantidade de alimentos.